Escolha uma Página
Já sentiu como se estivesse fazendo tudo certo, mas simplesmente não consegue atingir suas metas? Esse pode ser o sinal de que você está no modo automático da carreira. Confira algumas dicas do consultor de RH Manoel Constantino Góis: 
1. Ignorar relacionamentos
Embora pareça racional que as pessoas só devam ser julgadas de acordo com o seu desempenho, a realidade é que as relações interpessoais importam tanto quanto o primeiro item, na maioria dos casos.
Alguns profissionais acreditam que manter a cabeça baixa e só entregar o que é pedido é o suficiente. Entretanto, isso é apenas parte do trabalho: preste atenção nas relações com os seus colegas durante o expediente!
2. Não vestir-se para impressionar
No trabalho, um profissional não representa a si mesmo, muitas vezes ele é uma propaganda ambulante da companhia. Por isso, a sua vestimenta transmite um pouco da sua personalidade, seus objetivos profissionais e o quanto leva sua imagem a sério.
Gostando ou não dos assuntos relacionados à aparência, tome o cuidado devido com suas roupas, cabelo e acessórios. Lembrando que não é necessário gastar dinheiro com isso, apenas garanta que esses itens sejam apropriados.
3. Não colocar limites entre interesse pessoal e profissional
Muito do que acontece em nossas vidas pessoais, afeta o nosso trabalho, e vice-versa. Os líderes também sabem disso, portanto, não é necessário apontar problemas particulares – especialmente quando está negociando algo profissional. 
Quando o assunto for o tão esperado aumento de salário ou uma desavença com um colega de trabalho, por exemplo, é importante que mantenha a sua argumentação sobre como o seu problema impacta a empresa.
4. Trabalhar apenas por dinheiro
Se concentrar apenas no retorno financeiro que o emprego pode te trazer faz com que o profissional perca a oportunidade de viver a experiência de crescer na vida e, ao menor sinal de dificuldade, se torne alguém infeliz com seu trabalho.
Cative as pessoas que tenham o poder de ajudar sua carreira a evoluir, independentemente do valor do seu salário. O prazer em trabalhar não está ligado exclusivamente ao dinheiro.
5. Não ter iniciativa
Se você é um colaborador que tem uma posição ativa, seus colegas com certeza notarão. Entretanto, se for o contrário, eles notarão ainda mais, principalmente se têm que direcioná-lo ou lembrá-lo constantemente de tarefas a serem concluídas.
Tome medidas para fazer as coisas acontecerem, ao invés de esperar por um convite ou que uma oportunidade caia no seu colo.

Fonte: 5 erros que podem prejudicar sua carreira | Portal Carreira & Sucesso

Pin It on Pinterest

Share This