Escolha uma Página

Confira as dicas do nutrólogo e doutor em Ciência dos Alimentos Edson Credidio:

Idade
Alimentos indicados
Efeito provocado
0 – 9 anos
Até 2 anos tentar manter o leite materno. Após quatro meses acrescentar “papinha” de frutas. Após seis meses “papinha” salgada. Alimentos ricos em leite, frutas variadas, carnes, ovos, legumes e verduras.
Esta fase necessita uma alimentação rica em vitaminas e minerais para que ocorra um pleno desenvolvimento motor, ósseo e imunológico para toda vida da criança.
10 -19
A alimentação deve ser rica em lácteos como: leite, queijo e iogurte. Além de carnes, peixes, frangos, ovos, soja, frutas, legumes, verduras e azeite.
Como nessa fase ocorre o “amadurecimento” dos sistemas neurológico, cardiovascular e ósseo, eles contribuem favorecendo tal processo.
20 – 29
Comer queijos, frutas, legumes, frutos do mar, carnes e grãos integrais.
Por serem alimentos ricos em vitaminas B12 e B3 previne a anemia e ajudam a transformar a gordura em energia. A vitamina C também é essencial, pois previne a perda de elasticidade da pele e aumenta a resistência imunológica. O cálcio, indispensável neste período, ajuda a relaxar a musculatura, prevenindo cólicas menstruais e insônia.
30 – 39
Inclua na dieta: leite, carnes, aves, peixes, frutas cítricas, tomate, pimentão, folhas verde-escuras, cenoura, abóbora, mamão, melancia, óleos vegetais, cereais integrais, frutos do mar e oleaginosas (nozes, castanhas, etc.).
Nessa fase, é importante aumentar a ingestão de proteínas magras e acrescentar nas refeições alimentos que ajudem a neutralizar os radicais livres.
40 – 49
Alimentos como carnes, batata, aspargo, repolho, espinafre e frutas são indispensáveis. As leguminosas como soja, grão-de-bico, lentilha e feijão também devem estar no cardápio.
A vitamina E “freia” a ação dos radicais livres e retarda os efeitos da idade. Já a vitamina C, desacelera a ação do processo oxidativo (envelhecimento das células)
50 – 80
Indicado alimentos como frango, carne magra, peixes, lete e derivados, hortaliças, fígado, cogumelos, frutos do mar, soja, oleaginosas, frutas variadas, legumes variados e gérmen de trigo, azeite extra virgem.
Os alimentos ricos em cálcio são importantes para a prevenção da osteoporose. A vitamina D e o magnésio favorecem a absorção de cálcio e fósforo pelo organismo, ajudando a combater o mau humor, a irritabilidade e a epressão (sintomas que podem surgir na menopausa).

Sugestões de frutas para cada faixa etária
0 aos 9 anos
Mamão: digestivo, antiinflamatório, cicatrizante e atua na prevenção de constipação intestinal, obesidade e transtornos da visão.
Banana: rica em potássio, vitamina C, cálcio, fósforo, ferro, etc. Previne bronquite, diarreia, feridas, verrugas, queimaduras, digestivo, etc.
Laranja: rica em vitaminas C e fibras. Auxilia na absorção do ferro, tem efeito calmante, digestivo e melhora a imunidade.
10 aos 19 anos
Maçã: previne a anemia, colesterol, corrimento vaginal e obesidade. Ainda é laxante (maça com casca), mas também ajudar prevenir diarréia (maçã sem casca).
Açaí: Energético, atua na musculatura, Previne alzheimer, melhora a visão, atua na coordenação motora, previne osteoporose, etc.
Morango: Antioxidante; anti-inflamatório; Anticancerígeno, laxante, antiparasitário, anti-hipertensivo, prevenção de artrite, diurético.
20 aos 29 anos
Abacate: Contém vitaminas A, D, E e K, complexo B, minerais – inclusive mais potássio que a banana – proteínas, Ômegas 3, 6, 7, 9 e 11. Melhora o colesterol, auxilia na prevenção de cálculos renais e de vesícula biliar, aumenta a imunidade.
Abacaxi: Contém Vitaminas A, B e C, minerais como o Magnésio e fibras. Atua como anticoagulante, antiinflamatório, acelera a cicatrização de tecidos, é digestivo, antiviral, antibacteriano, ajuda a prevenir a osteoporose e as fraturas ósseas devido ao seu alto teor de manganês.
Melancia: Contém carboidratos, vitaminas, minerais, potássio, licopeno (previne o câncer de próstata e mama) e fibras. Utilizado como anti-cancerígeno, anti hipertensivo, contração muscular, antiinflamatório, antibacteriano, etc.
30 aos 39 anos
Coco: Auxiliam na redução do Colesterol, desidratação, parasitoses intestinais, bactérias e fungos, tosse, melhora a cicatrização, auxilia no tratamento do HIV e HPV, aumenta a termogênese, etc.
Uva: Potente anti-inflamatório; Efeito anticancerígeno; Inibe eventos celulares associados com a iniciação, promoção e progressão de tumores cancerígenos, melhora a cicatrização, auxilia na bronquite, laxante, flatulência (gases), etc.
Pêssego: Antioxidante, anticoagulante, estimula o funcionamento da insulina, tratamento da asma,etc.
40 aos 49 anos
Caju: Antioxidantes, imunomodulador previne contra câncer e infarto, etc.
Ameixa: Auxilia no transito intestinal e regulariza a digestão.
Melão: O melão é excelente para repor o potássio, necessário para o bom funcionamento do organismo, além de conter ácidos orgânicos, glicose, sais minerais e vitaminas A e C. Auxilia no tratamento de anemias, cansaço físico e mental, debilidade orgânica, eliminação de toxinas, intestino preguiçoso, circulação, reumatismo e pele seca.
50 aos 69 anos
Manga: Altamente nutritiva é rica em fibras, proteínas, sais minerais, betacaroteno, vitaminas A, B e C. Ela é depurativa (purifica o sangue) e funciona como expectorante. A manga ajuda a tratar anemias, bronquites, distúrbios digestivos, desnutrição, prevenção de problemas de visão, prevenção de Alzheimer, gengivites, tosses e úlceras.
Jabuticaba: É uma fruta com propriedades medicinais e nutritivas. Contem: ferro, polifenois, antocianina, sais minerais e vitaminas ela é indispensável para uma vida saudável e cheia de energia. Ação adstringente, por isso é útil no tratamento das diarréias, excesso de ácido úrico, retenção de líquidos, hemorragias, doenças da boca, prevenção de câncer, úlceras, gastrites, melhora da cicatrização.
Pêra: Possui diversas propriedades terapêuticas. Eficaz no tratamento de eliminação de gorduras e toxinas, ácido úrico, reumatismo, cálculo renal, cistite, desnutrição, gota e problemas urinários, utilizada popularmente como coadjuvante do tratamento da hipertensão arterial e da prisão de ventre, sendo considerada, também, um ótimo diurético. Sua maior ação terapêutica se faz na doença diverticular do intestino.
Acima dos 70 anos
Goiaba: Promove o metabolismo das proteínas, e ajuda a prevenir a acidez e fermentação dos carboidratos durante a digestão, melhora a diarréias, excesso de ácido úrico, ferimentos diversos, gripes, resfriados e retenção de líquido e protege e previne transtornos visuais.
Cereja: É depurativa (purifica o sangue). É indicada em casos de reumatismo, gota, artrite e distúrbios relacionados ao ácido úrico. Os caroços apresentam propriedades diuréticas e vermífugas; seus ácidos atuam nas vias gastrointestinais, fígado e pâncreas.
Uva: Potente antiinflamatório. Efeito anticancerígeno. Inibe eventos celulares associados com a iniciação, promoção e progressão de tumores cancerígenos, melhora a cicatrização,previne doenças cárdio-vasculares como infarto e derrames, auxilia na bronquite, laxante, flatulência (gases), etc.
Nozes (Oleaginosas): Ácidos graxos essências. Previne doenças cardiovasculares, auxilia a circulação, tônico cerebral.

fonte: Edson Credidio (nutrólogo e doutor em Ciência dos Alimentos) 

Pin It on Pinterest

Share This