Escolha uma Página

Quando decidimos mudar os hábitos alimentares muitas vezes questionamos: “como farei sem meu chocolatinho?” Calma, não precisa sofrer… kkk Chocolate é permitido, na medida certa!
Têm pessoas que comem apenas um tablete de 15 gramas no dia, ficam bem e não tem a necessidade de comer mais. Neste caso, não há necessidade de restringir o chocolate. Você pode colocá-lo dentro de uma alimentação equilibrada.
Agora, vejamos outro exemplo: uma pessoa que ao consumir 1 tablete de chocolate não consegue se controlar e precisa colocar outro tabletinho na boca… hummm, neste caso o ideal é restringir o consumo de chocolates.
E em relação ao tipo de chocolate?! – isto já está bem difundido, mas não custa apertar a tecla mais uma vez.
O mais indicado e com maior número de benefícios é o chocolate amargo. Já falei dele aqui! O chocolate amargo é o que tem maior quantidade de cacau, que por sua vez é rico em flavonoides
Conheça os benefícios dos flavonoides:
Cérebro 
Um estudo mostrou que os flavonoides contidos no cacau melhoram o fluxo sanguíneo na massa cinzenta, ou seja melhoram a oxigenação, melhorando a memória… Além de prevenirem o surgimento de doenças crônicas.
Memória
A epicatequina presente no cacau e no chocolate amargo melhora a memória.
Diminuição de cansaço
Um estudo mostrou que pessoas que consumiam 45 gramas de chocolate amargo, por dia, reduziam os sintomas da síndrome da fadiga crônica.

Fonte: Revista Saúde

Pin It on Pinterest

Share This