Escolha uma Página

Namastê!
Oi turma linda!
Estou curtindo minhas férias! E vocês, o que andam fazendo?!

Férias! Que delícia… isso é definitivamente muito bom.
Nada como viajar e aproveitar o período para descansar e passear!
Na mala, trago muitas historias e novidades para contar, e claro, fotos (muitas fotos!) para compartilhar ;D  
Para começar, registros de momentos e paisagens inesquecíveis! Um lugar magnífico: Grand Canyon. Já ouviram falar? Conhecem? 
É por ele que eu começo…


Já durante o caminho, a sensação de deslumbre…

No Brasil estamos acostumados com a beleza natural em forma de matas verdinhas, mar azul, nas praias areias brancas, entre tantas outras belas paisagens.

Mas ao visitar o Grand Canyon, pude constatar que a natureza possui muitas outras formas e cores para se expressar. A natureza sempre pode nos surpreender…
Seus precipícios, montes íngremes e despenhadeiros causam, numa primeira impressão, espanto, tamanha à grandiosidade do lugar.

A seguir percebemos as formas diferentes, matizes de cores, a perspectiva que se perde ao longe…

É impossível não contemplar tamanha beleza.

Impossível não ficar hipnotizado com as maravilhas que a natureza nos dá!

O exuberante e imponente Grand Canyon é considerado uma das sete maravilhas do mundo natural. Situa-se ao norte do estado do Arizona, nos Estados Unidos.

No Grand Canyo o árido e o rústico mostram sua força. Uma forma estonteantemente bela que a natureza também pode assumir.
A paisagem foi esculpida por processos erosivos, motivados principalmente pelas águas do rio Colorado. Um fantástico zigzag de corredeiras de água entre os paredões verticais de pura rocha.
O lugar também foi moldado pelas forças do vento, da chuva e da neve ao longo dos séculos.
O Grand Canyon já era habitado por indígenas há mais de três mil anos. Atualmente ainda moram na região índios de algumas tribos.

Lindo né?!

Ah, uma dica: para chegar ao Grand Canyon você pode ir de carro, ônibus, avião (de pequeno porte) ou helicóptero. Dependendo de onde estiver, a viagem de carro pode ser bastante cansativa. Por exemplo, de Las Vegas (onde eu estava!) para o Grand Canyon levaria, em média, quatro horas de carro/ônibus. Por isso, optei por avião. Mas um aviso: o avião é de pequeno porte e, por isso, balança muiiiiittooooo. Apesar disso, valeu à pena! Fui e voltei no mesmo dia (achei tempo suficiente para conhecer!), mas se você preferir pode dormir em hotéis da região! Os pacotes turísticos, incluindo transporte e passeios, podem variar entre 150 e 500 dólares!

Até amanhã!
Obrigada pela visita!

Pin It on Pinterest

Share This